Mais um suspeito de matar policial militar é preso em São Gonçalo


Testemunha reconheceu Marcio de Souza, o RAP, como o autor dos disparos


Apontado pela Polícia Militar como suspeito da morte do cabo Rodrigo Marques Paiva, 35 anos,  no último dia 17 de janeiro, em Itaboraí, Marcio Calos de Souza, o RAP, 42 anos, foi preso na tarde de sábado (26), no Gradim, em São Gonçalo, com drogas. 
De acordo com policiais do 35°BPM (Itaboraí) que efetuaram a prisão, após denúncias de que RP estaria escondido numa casa, na Rua Silvio Vale. Quando chegaram ao local os policiais tiveram a atenção despertada para o suspeito que não resistiu à prisão. Com ele foram encontrados 42 pinos de cocaína, duas chaves de carros e um celular.
Inicialmente o suspeito foi levado para Divisão de Homicídios de Niterói, Itaboraí e São Gonçalo (DHNISG), mas por não haver mandado de prisão e ele estar em flagrante delito, os PMs foram orientados a levá-lo para a 73ªDP (Neves), onde uma testemunha da morte do cabo Rodrigo o reconheceu como sendo o autor dos disparos. 
RP acabou preso por tráfico de drogas e a denúncia sobre seu envolvimento na execução do PM será encaminhada para a DHNISG. 
Recordando- O cabo Rodrigo foi morto a tiros, quando lanchava em um trailer da Rua A, no bairro de Marambaia, em Itaboraí. Ele era lotado no 35ºBPM (Itaboraí), estava de folga, e na companhia da mãe. 
Inicialmente, as investigações da DHNISG apontam que a motivação do crime foi o fato de a vítima ter sido reconhecida na região como policial militar. Outro homem também já foi preso suspeito de participação no crime. 
Rodrigo Marques foi o terceiro policial morto esse ano. Ele era casado e deixou quatro filhos. O cabo estava há onze anos na Polícia Militar.
Mais um suspeito de matar policial militar é preso em São Gonçalo Mais um suspeito de matar policial militar é preso em São Gonçalo Reviewed by Blog Marcos Junior BJI on janeiro 27, 2019 Rating: 5

MAIS LIDAS DE HOJE

Postagens mais visitadas