ALERJ aprova projeto de lei que dá porte de arma a deputado e agente do Degase

Autor do parecer que modificou o projeto é Márcio Pacheco, líder do governo Wilson Witzel (PSC) — a quem cabe sancionar ou não a proposta. Oposição já promete ir à Justiça.



A Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj) aprovou, nesta quarta-feira (10), um projeto de lei que dá porte de arma a deputados estaduais e agentes do Departamento Geral de Ações Socioeducativas (Degase).
Originalmente, a proposta era exclusiva aos agentes do Degase — que lidam com menores de idade apreendidos. A emenda modificativa foi apresentada em parecer do presidente da Comissão de Constituição e Justiça, Márcio Pacheco (PSC).
Ele é o líder do governo de Wilson Witzel (PSC), a quem cabe sancionar ou não o projeto. A oposição já promete ir à Justiça contra a implementação do projeto.
Categorias contempladas pelo projeto de lei
  • deputados estaduais
  • agentes do Degase
  • seguranças da Alerj e polícia legislativa
  • auditores fiscais estaduais e municipais
Luiz Paulo (PSDB) comparou a emenda ao mito de Frankenstein. Carlos Minc (PSB) lembrou que, nesta semana, um o carro foi atingido por  80 tiros. Ele disse que mais armas podem acarretar mais violência.
G1
ALERJ aprova projeto de lei que dá porte de arma a deputado e agente do Degase ALERJ aprova projeto de lei que dá porte de arma a deputado e agente do Degase Reviewed by Blog Marcos Junior BJI on abril 10, 2019 Rating: 5

MAIS LIDAS DE HOJE

Postagens mais visitadas