BLOG MARCOS JUNIOR BJI

Prefeito recebe representantes do IFF e do INCAPER para discutir a elaboração de um curso para os Cafeicultores da cidade



O Prefeito, Cuíca, recebeu na manhã desta quinta-feira (09), os representantes do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Fluminense (IFF) e do Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper), para tratar da proposta da criação de um curso de qualificação inicial e continuada para os cafeicultores de São José do Calçado.


O curso, que tem previsão de início para abril do ano que vem, pretende atender aproximadamente 30 cafeicultores, oferecendo formação teórica e prática, além de excursões com o total de 160h de duração. Na qualificação, o cafeicultor irá aprender sobre novas técnicas, sobre podas, plantio e a condução da lavoura.


A reunião, que contou com a presença do Diretor de Pesquisa e Extensão, Hilton Galvão, o professor de hortaliças do Instituto, Antônio Alonso, a Coordenadora do Escritório Local do Incaper, Patrícia Campbell e o vereador, Roberto João Mozelli, também tratou de uma proposta, para a criação de um curso, para os produtores de leite.


Para o Diretor de Pesquisa e Extensão, Hilton Galvão, do Instituto, essa parceria é um importante passo para o desenvolvimento e valorização da cafeicultura e agropecuária do leite na região. 


"É o papel do Instituto Federal Fluminense de trazer o conhecimento e promover o desenvolvimento da região através da transferência das tecnologias que, às vezes, ficam distantes do homem do campo. Nessa perspectiva, junto com a prefeitura e a Incaper, a gente pode levar esse conhecimento e desenvolvimento, que vai ser tão importante, tanto para cafeicultura ou agropecuária de leite e outras ações que a gente pode estar conversando", afirmou o diretor.


Já para Patrícia Campbell, Coordenadora do Escritório Local do Incaper, a união com a prefeitura tem contribuído para a qualificação do agricultor.


"Sozinhos não conseguimos atender a todas as demandas, assim como a prefeitura.  Agora estamos agregando mais um parceiro, o IFF, instituição que recebe muitos alunos oriundos do município. Então, essas parcerias têm contribuído imensamente para realizarmos mais eventos, cursos, capacitações, levando cada vez mais qualificação para o produtor rural", concluiu a coordenadora.




Por Marcos Junior

Postagem Anterior Próxima Postagem